Topo

Após 30 anos, Rosa Magalhães está de volta à Estácio de Sá

Divulgação
Rosa Magalhães foi sete vezes campeã do Carnaval Imagem: Divulgação
Anderson Baltar

Anderson Baltar é jornalista, formado pela UFRJ e tem 42 anos. Com mais de 15 anos de experiência na mídia carnavalesca, foi assessor de imprensa da União da Ilha e Império Serrano, produtor de Carnaval da TV Globo e trabalhou em coberturas de desfiles nas rádios Manchete e Tupi. Desde 2011, é âncora e coordenador da Rádio Arquibancada, web rádio com programação inteiramente voltada para o Carnaval. Em 2015, lançou o livro "As Primas Sapecas do Samba", ao lado dos também jornalistas Eugênio Leal e Vicente Dattoli.

do UOL

2019-04-24T19:07:56

24/04/2019 19h07

Campeã da Série A (Grupo de Acesso) do Carnaval carioca e retornando ao desfile principal após quatro anos de ausência, a Estácio de Sá anunciou hoje a contratação de Rosa Magalhães para comandar, ao lado do carnavalesco Tarcísio Zanon, o barracão da escola no desfile de 2020. Rosa, sete vezes campeã do Grupo Especial, estava nos dois últimos anos na Portela, onde conseguiu a quarta colocação nos dois desfiles e volta à Estácio, onde trabalhou entre 1987 e 1989.

Durante a feijoada comemorativa do dia de São Jorge, a carnavalesca foi recebida com muita festa na quadra da escola e, para a surpresa de muitos presentes, anunciada para reforçar o time da vermelha e branca. Apesar do desafio de manter a tradicional escola no Grupo Especial, Rosa foi bastante taxativa quanto a seus objetivos. "Estou aqui para trabalhar junto com vocês e para que, juntos, consigamos ser campeões do Carnaval", afirmou.

Carnavalesco da escola desde 2015, Tarcísio Zanon saudou a chegada de Rosa e disse que não haverá problema algum em trabalhar com a renomada artista. "Já fiz parte de comissão com o Chico Spinosa e é uma honra imensa trabalhar com a Rosa. É uma felicidade imensa ter uma grande campeã do Carnaval do nosso lado. Estou muito honrado pela humildade dela em ter aceitado o nosso convite de vir para a Estácio".

Um dos representantes da nova geração de carnavalescos cariocas, Zanon se diz feliz de abrir mão provisoriamente de assinar um Carnaval solo no Grupo Especial. "Logicamente, é um sonho assinar um Carnaval sozinho, mas precisamos pensar grande para a Estácio se firmar no Grupo Especial. Precisamos da Rosa, de toda sua história e talento. Será uma honra trabalhar com alguém que sempre foi um referencial para o nosso trabalho. Estar ao lado dela e aprender será fantástico", exulta o carnavalesco.

A contratação havia sido acertada na semana passada e guardada a sete chaves para a festa de ontem. Tarcísio relata que uma reunião já aconteceu e que algumas possibilidades de enredo estão sendo aventadas. "Estamos começando a conversar e esperamos lançar o enredo até o final de maio", afirma. Já instalada na Cidade do Samba desde o último sábado (20), a Estácio de Sá pretende começar os trabalhos o quanto antes para poder finalizar o seu desfile com tranquilidade.

Mais Entretenimento