PUBLICIDADE
Topo
Notícias

Notícias

Anglo Pacific assina acordo de US$205 mi por cobalto de Voisey's Bay

24/02/2021 17h36

JOANESBURGO (Reuters) - A Anglo Pacific fechou acordo para a compra de uma fatia da produção de cobalto da mina de Voisey's Bay, da Vale, no Canadá, o que expõe a empresa pela primeira vez ao metal, fundamental para o setor de baterias, informou a companhia nesta quarta-feira.

O negócio é o maior já realizado pela Anglo Pacific e marca o início de uma mudança da empresa rumo aos metais de baterias, afastando-se do carvão e minério de ferro, disse o presidente-executivo Julian Treger.

A Anglo Pacific comprará uma holding que detém 70% de participação em 32,6% da produção de cobalto da mina por 205 milhões de dólares e uma retribuição contingente de até 27 milhões de dólares. Os vendedores são do segmento de private equity.

A companhia não revelou os nomes dos vendedores. Anteriormente, a participação de 32,6% pertencia à canadense Cobalt 27, que foi adquirida pela Pala Investments em 2019.

"Nós, definitivamente, vemos isso como o primeiro passo significativo na reformulação completa das características da Anglo Pacific", afirmou Treger.

A transação levará a exposição da empresa ao cobalto para perto a 50%, ao mesmo tempo em que reduz a exposição ao carvão metalúrgico e ao minério de ferro para cerca de 20%, versus 50% anteriormente, acrescentou o executivo.

O ativo de Voisey's Bay, em Labrador, produz concentrado de níquel-cobalto-cobre e concentrado de cobre. A Vale interrompeu as operações da mina em meados de março do ano passado, por causa da pandemia de Covid-19, mas retomou os trabalhos no início de julho.

Caso o acordo seja concluído, a Anglo Pacific efetivamente deterá 22,8% da produção de cobalto da mina.

(Reportagem de Helen Reid)

Notícias