PUBLICIDADE
Topo

Notícias

É cedo para falar sobre volta de Baldy ao governo, diz Doria

Doria disse que Baldy agiu com "competência e dedicação" enquanto à frente da pasta - 27.jul.2020 - Ettore Chiereguini/Agif - Agência de Fotografia/Estadão Conteúdo
Doria disse que Baldy agiu com "competência e dedicação" enquanto à frente da pasta Imagem: 27.jul.2020 - Ettore Chiereguini/Agif - Agência de Fotografia/Estadão Conteúdo

Pedro Caramuru

São Paulo

07/08/2020 08h18

O governador de São Paulo, João Doria (PSDB), afirmou que "ainda é cedo para falar sobre a volta" do secretário de Transportes Metropolitanos licenciado, Alexandre Baldy (PP-GO), ao governo do Estado, caso este seja inocentado.

Na quinta-feira, 6, Baldy, pediu licença do cargo por 30 dias, após ser preso temporariamente pela Polícia Federal. Em nota o governo estadual afirmou que o período servirá para que o secretário se defenda das acusações.

Em entrevista à rádio Jovem Pan, Doria disse que Baldy agiu com "competência e dedicação" enquanto à frente da pasta.

O governador também defendeu que as investigações em andamento contra membros do PSDB, como os ex-governadores José Serra e Geraldo Alckmin, devam prosseguir.

"Espero que sejam inocentados, mas sem esconder e condenar investigação", disse Doria.

Notícias