Topo

Secretário de Defesa dos EUA tenta retomar negociações com Talibã

O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, rompeu de forma brusca as conversas com o Talibã no mês passado - Leah Millis/Reuters
O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, rompeu de forma brusca as conversas com o Talibã no mês passado Imagem: Leah Millis/Reuters

Idrees Ali

Em Cabul

20/10/2019 14h00

O secretário de Defesa dos Estados Unidos, Mark Esper, chegou ao Afeganistão neste domingo em uma tentativa de retomar negociações com o Talibã após o presidente norte-americano, Donald Trump, romper abruptamente no mês passado as conversas que buscam acabar com a guerra mais longa dos Estados Unidos.

A viagem de Esper a Cabul ocorre em meio a questionamentos sobre os compromissos dos EUA com aliados após uma retirada repentina de tropas norte-americanas do nordeste da Síria e o antigo desejo de Trump de se retirar de acordos estrangeiros.

"O objetivo ainda é ter um acordo de paz em algum momento, um acordo político. Este é o melhor caminho adiante", disse Esper a repórteres viajando com ele ao Afeganistão. Ele deve se reunir com o presidente afegão, Ashraf Ghani, e soldados dos EUA.

"Eu espero que possamos avançar e desenvolver um acordo político que atenda nossos objetivos e atenda às metas que queremos alcançar", disse Esper, acrescentando que as negociações ocorrem no domínio do Departamento de Estado.

Ele acrescentou que os EUA podem reduzir o contingente a cerca de 8.600 soldados, contra 14.000 atualmente, sem afetar as operações de contra-terrorrismo, caso necessário.

Notícias