PUBLICIDADE
Topo

Notícias

Situação da Covid-19 na França está evoluindo na direção errada, diz premiê

11/08/2020 18h41

Paris, 11 ago (EFE).- Os números oficiais da Covid-19 na França divulgados nesta terça-feira confirmam que "a situação está evoluindo na direção errada", afirmou o primeiro-ministro do país, Jean Castex.

Em comunicado, a Direção-Geral de Saúde francesa informou que 191 pessoas foram internadas devido ao coronavírus SARS-CoV-2 nas últimas 24 horas, o que representa um considerável aumento em relação às 108 reportadas no dia anterior.

Ao todo, 5.012 pessoas estão internadas por causa da pandemia, e 391 estão em unidades de terapia intensiva (UTI), que tiveram 21 entradas na véspera, menos que as 28 anunciadas na segunda-feira.

Nas últimas 24 horas, as autoridades contabilizaram 1.397 casos (785 no dia anterior), totalizando 11.223 em uma semana, um claro aumento.

Outro elemento preocupante é o aumento da taxa de positivos nos exames, que passou de 2%, em julho, para 2,1%, entre os dias 2 e 8 de agosto. Esse indicador em aumentado conforme são feitos mais testes na França, 600.262 na semana passada. O governo também informou que 30.354 pessoas já morreram com Covid-19, 14 a mais em relação ao balanço anterior.

Pouco antes da divulgação dos números, Castex chamou a atenção dos jovens, o grupo que mais tem apresentado contágios. O primeiro-ministro frisou que, embora a grande maioria dos jovens não venha a desenvolver formas graves da doença, podem transmitir o vírus aos mais velhos e grupos de risco.

Castex anunciou que instruiu os prefeitos a tomarem medidas para "prorrogar o máximo possível a obrigação de usar máscaras em espaços públicos".

Notícias