Topo

Ativista Greta Thunberg vai à Espanha de barco antes de cúpula climática

Greta Thunberg pegou carona em uma embarcação de 48 pés de um casal australiano que partiu do porto de Hampton - NICHOLAS KAMM / AFP
Greta Thunberg pegou carona em uma embarcação de 48 pés de um casal australiano que partiu do porto de Hampton Imagem: NICHOLAS KAMM / AFP

13/11/2019 16h58

A ativista climática sueca Greta Thunberg partiu do Estado norte-americano da Virgínia rumo à Espanha a bordo de um catamarã nesta quarta-feira depois de uma turnê de 11 semanas pela América do Norte para exigir ações contra a mudança climática, o que incluiu um discurso ardoroso em uma cúpula da Organização das Nações Unidas (ONU).

A adolescente de 16 anos, que rejeita viagens aéreas por causa de seus níveis altos de emissões de gases de efeito estufa, pegou carona em uma embarcação de 48 pés de um casal australiano que partiu do porto de Hampton. Ela espera chegar a Madri a tempo para a próxima rodada de conversas climáticas patrocinadas pela ONU em dezembro.

"Muito feliz de dizer que, com sorte, chegarei para a COP25 em Madri", disse Greta em uma postagem no Twitter na terça-feira, referindo-se à conferência da ONU do mês que vem.

Inspirados pelo protesto solitário semanal de Greta diante do Parlamento sueco mais de um ano atrás, milhões de jovens de todo o mundo ouviram seu clamor para que se exija que os governos adotem ações emergenciais para combater o aquecimento global.

No final de agosto, Greta chegou a Nova York em uma embarcação de emissões de carbono zero depois de uma jornada de 14 dias iniciada na Inglaterra para fazer um discurso na cúpula climática da ONU em setembro.

Desde então ela viajou por toda a América do Norte, parando em Alberta, no Canadá, e em Iowa, nos EUA, onde se uniu a ativistas climáticos.

Na terça-feira, um artista inaugurou um mural da adolescente em San Francisco com o propósito de lembrar os moradores dos perigos da mudança climática.

(Por Maria Caspani)

Notícias