Topo

Novo Toyota RAV4 tem 2º reajuste desde a estreia e fila de espera até 2020

Toyota RAV4 2020 rende 222 cv com motor 2.5 a gasolina e outros três motores elétricos; SUV vem do Japão - Divulgação
Toyota RAV4 2020 rende 222 cv com motor 2.5 a gasolina e outros três motores elétricos; SUV vem do Japão
Imagem: Divulgação
do UOL

Do UOL

Em São Paulo

17/09/2019 14h16

Lançado em maio, o Toyota RAV4 acaba de receber o segundo reajuste de preços desde sua estreia, enquanto as unidades disponíveis não dão conta da alta demanda. Em concessionária consultada por UOL Carros, recebemos a informação de que novos pedidos estão suspensos e serão retomados apenas em 2020, quando todas as unidades já encomendadas forem entregues aos clientes.

Ao estrear no Brasil, há cerca de quatro meses, o RAV4 chegou com preços sugeridos de R$ 165.990 para a versão S e de R$ 179.990 para a configuração SX, topo de linha. Em julho veio o primeiro reajuste: o SUV médio passou a custar R$ 167.990 e R$ 185.990, respectivamente.

Agora, em setembro, novo aumento: R$ 171.850 e R$ 191.290. Comparando com o lançamento, o preço da versão de entrada do RAV4 subiu R$ 5.860 ou 3,5%.

"Tenho uma unidade de cliente que desistiu do pedido. Mandamos blindar e ela pode ser reservada", disse uma vendedora, acrescentando que novos pedidos só poderão ser feitos a partir de 2020, ainda sem data definida.

Importado do Japão, o Toyota RAV4 agora é construído sobre a mesma plataforma TNGA utilizada no Prius e também no recém lançado novo Toyota Corolla 2020.

Nessa nova geração, o utilitário esportivo traz motor 2.5 a gasolina de quatro cilindros, capaz de render 178 cv. Também conta com dois motores elétricos instalados no eixo dianteiro, que entregam 120 cv, e um terceiro, também a bateria, no eixo traseiro, gerando mais 54 cv. Segundo a Toyota, a potência combinada é de 222 cv. O câmbio é do tipo CVT e a tração do carro é integral.

Com este conjunto e o tanque de gasolina de 55 litros cheio, o SUV tem autonomia de mil quilômetros, diz a fabricante. De acordo com a Toyota, o consumo na cidade pode passar de 14 km/l.

Quer ler mais sobre o mundo automotivo e conversar com a gente a respeito? Participe do nosso grupo no Facebook! Um lugar para discussão, informação e troca de experiências entre os amantes de carros. Você também pode acompanhar a nossa cobertura no Instagram de UOL Carros.

Mais Notícias