PUBLICIDADE
Topo

Napoli ignora classificação na Champions e demite Ancelotti

10/12/2019 20h59

SÃO PAULO, 10 DEZ (ANSA) - O Napoli anunciou nesta terça-feira (10) a demissão do treinador Carlo Ancelotti, que estava no clube desde a temporada passada.   


A decisão chega poucas horas depois da goleada por 4 a 0 sobre o Genk, que selou a classificação azzurra para as oitavas de final da Liga dos Campeões, mas em meio à campanha ruim do time na Série A.   


Após ter brigado pelas primeiras posições - e até pelo título - nas últimas temporadas, o Napoli é apenas o sétimo colocado no torneio, com 21 pontos conquistados, 17 a menos que a líder Inter de Milão.   


"A Società Sportiva Calcio Napoli decidiu revogar o cargo de treinador da equipe principal do senhor Carlo Ancelotti.   


Permanecem intactas as relações de amizade, estima e respeito recíproco entre o clube, o presidente Aurelio De Laurentiis e Carlo Ancelotti", diz uma mensagem oficial no Twitter.   


Pouco antes, o técnico havia dito que não se demitiria e que se reuniria com De Laurentiis nesta quarta (11). "Espero que essa classificação nos tire um pouco do peso, que nos dê energia", afirmara.   


A demissão de Ancelotti, cuja relação com diretoria e elenco estava desgastada, era especulada havia várias semanas, e o próprio treinador chegou a dizer que a mala de um técnico "deve estar sempre pronta".   


O favorito para assumir o Napoli é Gennaro Gattuso. (ANSA)
Veja mais notícias, fotos e vídeos em www.ansabrasil.com.br.



Notícias