PUBLICIDADE
Topo
Notícias

Notícias

Conteúdo publicado há
1 mês

Springsteen é multado em US$ 540 por beber tequila em parque

24/02/2021 16h11

Nova York, 24 Fev 2021 (AFP) - O cantor americano Bruce Springsteen terá que pagar uma multa de 540 dólares após se declarar culpado de consumir álcool em parque nacional de Nova Jersey, onde seu consumo é proibido, anunciou um juiz federal nesta quarta-feira (24).

Springsteen foi preso em 14 de novembro de 2020 por tomar "duas pequenas doses de tequila" na Gateway Nacional Receation Area, disse o músico na audiência via Zoom devido à pandemia.

Springsteen também foi acusado de direção irresponsável e sob a influência de álcool, duas acusações que o tribunal retirou nesta quarta-feira.

O roqueiro de 71 anos, que vestia jaqueta preta e suéter, foi calmo e cordial ao admitir que consumia álcool no parque apesar de saber que era ilegal.

Depois de inicialmente se declarar inocente de todos os três crimes, a defesa e os promotores concordaram que Springsteen se confessaria culpado de beber álcool no parque em troca de retirar as outras duas acusações e evitar o julgamento.

O juiz Anthony Mautone observou que beber álcool naquele parque é ilegal há apenas dois anos.

Os promotores disseram que Springsteen se recusou a fazer o teste de álcool quando foi parado por um guarda-florestal, mas o teste não é exigido por lei.

Mautone ordenou que o músico pagasse 500 dólares por consumir álcool no parque, além de 40 dólares por despesas judiciais.

"Sr. Springsteen, preciso perguntar quanto tempo leva para pagar essa multa", disse o juiz ao astro internacional que gravou 20 álbuns de estúdio em seus quase 50 anos de carreira.

"Acho que posso pagar por isso imediatamente, meritíssimo", respondeu o artista, sorrindo.

Após a audiência, o advogado do cantor disse que seu cliente ficou "satisfeito" com o resultado.

Não se sabe por que a prisão do cantor foi revelada três meses após os eventos.

A marca de carros Jeep suspendeu um comercial de dois minutos com Springsteen que foi lançado durante o Super Bowl, campeonato de futebol americano que reuniu quase 100 milhões de espectadores.

No anúncio, o cantor, conhecido como "The Boss", aparece dirigindo um Jeep no Kansas, pedindo unidade após a eleição do democrata Joe Biden contra o republicano Donald Trump.

mdo/lbc/rs/jc/mvv

Notícias