PUBLICIDADE
Topo
Notícias

Notícias

Laboratório francês Sanofi fabricará vacina dos concorrentes Pfizer/BioNTech

Em Paris

27/01/2021 07h24

No segundo semestre de 2021, o laboratório francês Sanofi vai fabricar a vacina contra a covid-19 de suas concorrentes Pfizer/BioNTech, uma "novidade" no setor farmacêutico - afirmou o presidente da Sanofi França, Olivier Bogillot, nesta quarta-feira (27).

A Sanofi "assumirá as últimas etapas de fabricação para fornecer mais de 125 milhões de doses da vacina contra a covid-19 para a União Europeia", detalhou o laboratório em um comunicado.

Produzir para um concorrente "é uma novidade", disse Olivier Bogillot à rádio RTL nesta quarta, acrescentando que "o que está em jogo não é de modo algum econômico, mas a capacidade de distribuir [o imunizante] o mais rápido possível".

O governo francês pediu à Sanofi que estudasse a possibilidade de disponibilizar suas cadeias industriais para aumentar a produção das vacinas existentes.

Ao mesmo tempo, a Sanofi trabalha em dois imunizantes para reforçar a luta contra a pandemia. Seu principal projeto foi adiado, porém, e não deve chegar ao mercado antes do final do ano.

Bogillot defendeu as decisões estratégicas do laboratório francês, que tem sido muito criticado pelo atraso de sua vacina.

"Moderna e BioNtech fizeram essa escolha (de tecnologia de RNA mensageiro) também porque era a única tecnologia que tinham. Nós tínhamos várias opções. Escolhemos uma que dominamos", disse ele sobre a vacina que usa a tecnologia de proteínas recombinantes e que está sendo desenvolvida com a britânica GSK.

Notícias