Topo

Gibraltar rejeita pedido dos EUA para confiscar Grace 1

18/08/2019 13h10

ROMA, 18 AGO (ANSA) - As autoridades de Gibraltar, enclave britânico na Espanha, rejeitaram neste domingo (18) o pedido dos Estados Unidos de confiscar o navio petroleiro iraniano Grace 1.   

Na sexta-feira (16), o Departamento de Justiça dos EUA emitiram um mandado para apreender a embarcação. Um dia antes, a Corte Suprema de Gibraltar havia aprovado a liberação do navio.   

De acordo com as autoridades de Gibraltar, Washington está tentando apreender o navio por razões "intrinsecamente ligadas" às sanções dos Estados Unidos contra o Irã.   

"Em virtude do Direito Europeu, Gibraltar não pode fornecer a assistência solicitada pelos Estados Unidos", comunicou o governo do país.   

O petroleiro iraniano ainda está ancorado em Gibraltar. O navio, que transporta 2,1 milhões de barris de petróleo, foi retido no último dia 4 de julho pela Marinha do Reino Unido sob a acusação de violar sanções internacionais ao tentar levar petróleo para uma refinaria na Síria.(ANSA)
Veja mais notícias, fotos e vídeos em www.ansabrasil.com.br.


Mais Notícias