PUBLICIDADE
Topo

Correios prorrogam campanha de cartinhas de Natal até o dia 17/12 em SP

Cartas recebidas pelos Correios de crianças que pedem presentes ao Papai Noel - Divulgação/Correios
Cartas recebidas pelos Correios de crianças que pedem presentes ao Papai Noel Imagem: Divulgação/Correios
do UOL

Do UOL, em São Paulo

09/12/2019 18h36

Os Correios decidiram prorrogar a campanha de adoção de cartinhas destinadas ao Papai Noel até o dia 17 de dezembro na cidade de São Paulo. O projeto, que existe há 30 anos, incentiva que as pessoas apadrinhem crianças no Natal e enviem os pedidos feitos pelos pequenos.

As cartinhas são escritas por crianças que endereçam pedidos de Natal diretamente ao "bom velhinho". A campanha inclui estudantes das escolas de rede pública que estejam cursando até o 5º ano do ensino fundamental, além de parcerias com creches, orfanatos, abrigos e núcleos socioeducativos.

Pedidos por brinquedos, bolas de futebol, roupas e até material escolar estão entre os mais frequentes nas cartas. Todas são lidas e selecionadas pelos funcionários dos Correios, que as deixam disponíveis em unidades participantes do projeto.

Quem se interessar em adotar o pedido de uma das crianças deve cadastrar o CPF ou CNPJ para participar. Os Correios não permitem que a entrega do presente seja feita pessoalmente e não divulgam o endereço do apadrinhado.

Notícias