Topo

Câmara fará reformas, independentemente de governo não ter base, diz Maia

"Continuamos com a nossa agenda de modernizar a Câmara e o estado brasileiro", diz presidente da Câmara -  Kleyton Amorim/UOL
'Continuamos com a nossa agenda de modernizar a Câmara e o estado brasileiro', diz presidente da Câmara Imagem: Kleyton Amorim/UOL
do UOL

Antonio Temóteo

Do UOL, em Brasília

21/10/2019 13h12

O presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia (DEM-RJ), afirmou hoje que a casa continuará a modernizar e reformar o estado brasileiro, independentemente de o governo do presidente Jair Bolsonaro (PSL) ter ou não uma base de apoio no Congresso Nacional.

Segundo Maia, a crise do PSL é um problema do partido e não atrapalhará o andamento de propostas na Casa. As afirmações foram feitas após um encontro com o ministro da Economia, Paulo Guedes, sobre a agenda econômica.

"Isso [a crise do PSL] não é um problema da Câmara e do presidente da Câmara. Se eles vão continuar disputando a liderança ou não, esse é um problema do PSL. Vim deixar claro que continuamos com a nossa agenda de modernizar a Câmara e o estado brasileiro", disse.

Reforma administrativa será prioridade

Maia também declarou que a reforma administrativa deve começar a tramitar na casa nas próximas semanas. Segundo ele, A CCJ (Comissão de Constituição e Justiça) já deu aval a projetos sobre o tema, o que poderia acelerar esse processo.

"Temos algumas propostas que já passaram pela CCJ. A gente pode utilizar um texto que não do governo, se eles não tiverem constrangimento e vaidade em relação a isso, para que já possa começar a discutir o mérito nas próximas semanas na Câmara dos Deputados", afirmou.

Ouça o podcast Baixo Clero (https://noticias.uol.com.br/podcast/baixo-clero/), com análises políticas de blogueiros do UOL.

Os podcasts do UOL estão disponíveis em uol.com.br/podcasts, no Spotify, Apple Podcasts, Google Podcasts e outras plataformas de áudio.

Mitre: Novela da Reforma está chegando ao seu final

Band Notí­cias

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{user.alternativeText}}
Avaliar:

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Notícias