Topo

Muitos civis ainda presentes no último reduto do EI na Síria

2019-02-16T08:35:00

16/02/2019 08h35

Omar Oil Field, Syria, 16 Fev 2019 (AFP) - Numerosos civis ainda estão no último reduto do grupo Estado Islâmico (EI) que uma coalizão curdo-árabe está tentando conquistar no leste da Síria, anunciou um porta-voz dessa força apoiada pelos Estados Unidos.

"Ficamos surpresos ao ver vários civis saírem dos túneis" cavados pelo EI, indicou à AFP Adnan Afrin, porta-voz das Forças Democráticas da Síria (FDS).

"Ainda há muitos civis no interior" do reduto defendido pelos extremistas, acrescentou.

"Não contávamos com tantos (...) por isso (a operação) está indo mais devagar", disse o porta-voz. "Estamos analisando como acabar com esses túneis, bloqueá-los ou explodi-los".

Outro porta-voz das FDS, Mustafa Bali, disse que "ainda há civis dentro de Baghuz", reduto onde estão entrincheirados dos extremistas do grupo. "Trabalhamos para fazê-los sair".

Segundo ele, "alguns civis tentam fugir do reduto, mas não conseguem". "Há uma operação em andamento para obrigar os extremistas a sair" da área que controlam em Baghuz.

Na sexta-feira, o presidente americano, Donald Trump, anunciou que fará um anúncio sobre "o califado" em 24 horas.

"Temos grandes anúncios ligados à Síria e ao nosso êxito na erradicação do califado, que serão anunciados nas próximas 24 horas", disse o presidente na Casa Branca.

rh-mjg-lar/hj/ra/erl/cb

Mais Notícias