PUBLICIDADE
Topo
Notícias

Notícias

Conteúdo publicado há
1 mês

EUA e UE prolongam suspensão de tarifas no conflito Boeing-Airbus

15/06/2021 06h23

Bruxelas, 15 Jun 2021 (AFP) - Estados Unidos e União Europeia (UE) concordaram em prolongar por cinco anos a suspensão da aplicação de tarifas no longo conflito entre os grupos aeronáuticos Boeing e Airbus, afirmaram fontes europeias nesta terça-feira (15).

"Temos um acordo para ter o tempo de alcançar uma solução de longo prazo. Neste período, as sanções serão suspensas", afirmou à AFP uma fonte europeia próxima do caso.

Uma segunda fonte consultada destacou que é "um bom acordo, uma longa trégua".

A presidente da Comissão Europeia, Ursula von der Leyen, afirmou que está convencida de um acordo iminente.

Von der Leyen e o presidente do Conselho Europeu, Charles Michel, se reunirão nas próximas horas com o presidente dos Estados Unidos, Joe Biden.

"Tenho confiança de que vamos alcançar um acordo sobre o caso Airbus e Boeing, na conversa com nossos amigos americanos", disse Von der Leyen durante uma entrevista coletiva com o primeiro-ministro do Canadá, Justin Trudeau.

"Não podemos subestimar isto, é a disputa mais longa na história da Organização Mundial do Comércio, de forma que é nosso interesse comum resolver", completou ao ser questionada sobre a iminência do anúncio do acordo.

Uma fonte próxima às negociações afirmou que um prazo de cinco anos daria às partes o tempo para negociar uma solução definitiva à questão.

O conflito entre os dois grupos aeronáuticos se arrasta há 17 anos, motivada por trocas de denúncias sobre subsídios irregulares que distorcem a concorrência.

Depois de anos de tarifas e medidas punitivas dos dois lados do Atlântico, em março UE e Estados Unidos decidiram suspender por um período de quatro meses - até 11 de julho - a aplicação de direitos alfandegários recíprocos relacionados com este caso.

arp/ahg/me/fp

Notícias