PUBLICIDADE
Topo

Notícias

Manifestantes e forças de segurança protagonizam 3º dia de choques no Líbano

10/08/2020 22h50

Beirute, 10 ago (EFE).- As ruas de Beirute, no Líbano, foram palco nesta segunda-feira de mais um dia de confrontos, o terceiro consecutivo, entre manifestantes anti-governo e integrantes das forças locais de segurança.

Os participantes do protesto, que exigem a renúncia do governo do primeiro-ministro, Hasan Diab - o que acabou acontecendo ao longo da tarde (horário de Brasília) -, atiraram pedras e acenderam sinalizadores contra os agentes.

A resposta foi feita com o lançamento de grande quantidade de gás lacrimogêneo, segundo as imagens exibidas por emissoras locais de televisão.

As manifestações na capital libanesa começaram depois da explosão de 2,75 toneladas de nitrato de amônio, que estavam armazenadas em um porto da cidade. Antes da renúncia do premiê, três ministros já tinham se demitido em menos de uma semana.

Hoje, os participantes do protesto voltaram a se reunir nos arredores do Parlamento, mesmo lugar de encontro do sábado e do domingo.

Anteontem, foram registrados 250 feridos durante os confrontos, segundo a Cruz Vermelha do Líbano, além da morte de um agente das forças de segurança. EFE

ijm-fc/bg

Notícias