PUBLICIDADE
Topo

Notícias

Trabalhador segue reclamando do Caixa Tem; banco diz que vai resolver hoje

17.abr.2020 - Pagamento do auxílio emergencial é feito pelo app Caixa Tem, diferente do utilizado para o cadastro no benefício - Adriana Toffetti/A7 Press/Estadão Conteúdo
17.abr.2020 - Pagamento do auxílio emergencial é feito pelo app Caixa Tem, diferente do utilizado para o cadastro no benefício Imagem: Adriana Toffetti/A7 Press/Estadão Conteúdo
Carla Araújo

Jornalista formada em 2003 pela FIAM, com pós-graduação na Fundação Cásper Líbero e MBA em finanças, começou a carreira repórter de agronegócio e colaborou com revistas segmentadas. Na Agência Estado/Broadcast foi repórter de tempo real por dez anos em São Paulo e também em Brasília, desde 2015. Foi pelo grupo Estado que cobriu o impeachment da presidente Dilma Rousseff. No Valor Econômico, acompanhou como setorista do Palácio do Planalto o fim do governo Michel Temer e a chegada de Jair Bolsonaro à Presidência.

do UOL

Do UOL, em Brasília

02/07/2020 11h53

O aplicativo Caixa Tem (Android e iOS), que permite utilizar o auxílio emergencial e o FGTS (Fundo de Garantia do Tempo de Serviço) para pagamento de contas e boletos e compras por meio de cartão virtual, apresenta problemas nesta quinta-feira (2). Trabalhadores relatam fila para acessar o aplicativo e dizem que, mesmo assim, não conseguem mexer no dinheiro.

A Caixa reconheceu a falha e atribuiu o problema ao alto volume de acessos, que teria gerado instabilidade no sistema. O banco disse que o sistema voltou a funcionar normalmente após as 10 horas. Em nota, pediu ainda que beneficiários utilizassem o sistema na parte da tarde.

"A Caixa informa que está processando um volume atípico de transações nesta manhã (2/7), oriundas dos créditos de programas emergenciais, somadas às rotinas mensais do banco. Para uma melhor experiência do cliente, recomendamos utilizar o aplicativo Caixa Tem a partir das 12 horas de hoje", justificou o banco.

Apesar da recomendação do banco, trabalhadores continuaram reclamando de problemas no aplicativo ao longo da tarde.

Em coletiva de imprensa, o vice-presidente de tecnologia e digital da Caixa, Claudio Salituro, disse que a instabilidade no Caixa Tem aconteceu por conta do enorme volume de processamento de dados que é necessário no início de cada mês. Ele afirmou que o serviço deve voltar à normalidade hoje.

Por enquanto, só é possível movimentar a poupança digital pelo aplicativo Caixa Tem (Android e iOS). Saques e transferências podem demorar quase três meses.

Nesta quinta-feira, a Caixa realiza três pagamentos diferentes do auxílio emergencial de R$ 600. Aniversariantes de julho e agosto recebem via poupança digital a primeira, segunda ou terceira parcela, conforme a data em que tiveram o cadastro aprovado

(Colaborou Filipe Andretta)

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do UOL.

Notícias