Topo

Bullard explica voto por corte maior de juro pelo Fed ao dizer que setor manufatureiro "parece em recessão"

20/09/2019 08h21

Por Howard Schneider

WASHINGTON (Reuters) - O presidente do Federal Reserve de St. Louis, James Bullard, disse nesta sexta-feira que defendeu um corte de 0,50 ponto percentual na reunião do Fed desta semana por causa de sinais de que a economia dos EUA desacelerará "no horizonte próximo" e de que o setor manufatureiro "já parece em recessão."

O Fed cortou taxas em 0,25 ponto percentual em sua reunião de política que terminou na quarta-feira. Bullard discordou em favor de uma redução maior, disse ele em comunicado, porque "é gerenciamento prudente de riscos, a meu ver, reduzir a taxa de forma agressiva agora e depois aumentá-la caso os riscos negativos não se concretizem".

Mais Notícias