Topo

Tiroteio no Curdistão iraquiano deixa 2 mortos e 1 ferido

17/07/2019 12h16

Erbil (Iraque), 17 jul (EFE).- Duas pessoas, uma delas um funcionário turco, morreram nesta em um tiroteio em um restaurante de Erbil, capital do Curdistão iraquiano, no norte do país, informou nesta quarta-feira a Asayish, a polícia desta região autônoma.

Em comunicado, a Asayish confirmou que, além dos mortos, uma terceira pessoa ficou ferida no tiroteio, que aconteceu dentro do restaurante por volta das 14h30 (horário local, 8h30 em Brasília).

Após o suposto atentado, as autoridades curdas isolaram a área e restringiram o acesso ao local, um bairro atualmente muito frequentado por expatriados, empresários e diplomatas.

A polícia abriu uma investigação e entrou em contato com os responsáveis diplomáticos para manifestar condolências e oferecer apoio, acrescentou o comunicado.

Além disso, a Asayish garantiu às missões diplomáticas que não permitirá a desestabilização "da segurança na região do Curdistão".

Embora sejam frequentes as tensões no norte do Iraque pelo bombardeio da Turquia contra posições da guerrilha do Partido dos Trabalhadores do Curdistão (PKK), considerada terrorista por Ancara, não são frequentes os atentados contra pessoal diplomático turco no Curdistão iraquiano.

Em janeiro deste ano, dois civis morreram e dez ficaram feridos depois que um grupo de manifestantes atacou a base turca de Shiladze, na província iraquiana de Duhok.

Os manifestantes protestavam após a morte de vários moradores locais em supostos bombardeios turcos na região curdo-iraquiana. EFE

Mais Notícias