PUBLICIDADE
Topo
Notícias

Notícias

Conteúdo publicado há
1 mês

San Marino iniciará campanha de vacinação paga para turistas

05/05/2021 16h17

SAN MARINO, 5 MAI (ANSA) - A República de San Marino, enclave situado no norte da Itália, anunciou nesta quarta-feira (5) que iniciará uma campanha de vacinação anti-Covid para turistas estrangeiros e residentes locais, mediante a pagamento.

A decisão foi revelada pela diretora-geral do Instituto de Segurança Social (ISS), Alessandra Bruschi, e não permitirá a imunização de cidadãos italianos.

"Nas próximas semanas terá início também a vacinação paga para turistas e residentes de San Marino, excluindo os assistidos pelo sistema de saúde italiano", declarou.

Segundo o ISS, uma vacinação anti-Covid em San Marino destinada às pessoas cadastradas no sistema de saúde da Itália "não é possível neste momento" em decorrência dos "numerosos e contínuos pedidos diários".

Atualmente, mais de 70% da população vacinada de San Marino receberam pelo menos uma dose contra o novo coronavírus. Ao todo, 30.964 administrações foram registradas desde o início da campanha de imunização, com 21.172 pessoas vacinadas com a primeira dose e 9.792 com a dose de reforço.

De acordo com o ISS, todos os grupos populacionais têm cobertura igual ou superior a 60% com pelo menos uma dose, valor que sobe para 70% nos grupos entre 50 e 64 anos e ultrapassa 80% nas pessoas com mais de 65 anos. Em particular, na faixa etária de 75 a 84 anos, 1.966 cidadãos de San Marino, ou seja, 81,2%, já receberam a segunda dose.

A República utiliza duas vacinas diferentes em sua campanha de imunização. São elas: Sputnik V e Pfizer/BioNTech.

"Com o mês de maio esperamos concluir grande parte da campanha de vacinação", finalizou Bruschi. (ANSA)

Veja mais notícias, fotos e vídeos em www.ansabrasil.com.br.

Notícias