PUBLICIDADE
Topo

Covid-19: Argentina promete hospedagem e alimentação a cidadãos no exterior

Resolução informa que serão assistidos argentinos no exterior "em uma situação de vulnerabilidade que não os permita resolver a questão por meios próprios" - NurPhoto/NurPhoto via Getty Images
Resolução informa que serão assistidos argentinos no exterior "em uma situação de vulnerabilidade que não os permita resolver a questão por meios próprios" Imagem: NurPhoto/NurPhoto via Getty Images
do UOL

Do UOL, em São Paulo

28/03/2020 20h50

A Argentina prometeu hoje oferecer hospedagem, alimentação, assistência sanitária e "todas as necessidades básicas" a cidadãos do país que estejam no exterior durante a pandemia do novo coronavírus.

A iniciativa faz parte de um programa anunciado pelo ministro das Relações Exteriores do país, Felipe Solá. Nas redes sociais, Solá afirmou se tratar do "maior plano de assistência consular da história".

Resolução do presidente Alberto Fernández assinada hoje deu caráter oficial ao programa. O documento informa que serão assistidos os argentinos no exterior que estejam "em uma situação de vulnerabilidade que não os permita resolver a questão por meios próprios".

"A Chancelaria está desenvolvendo o maior plano de assistência consular de toda sua história. Coordenamos o regresso de dezenas de milhares de argentinos em circunstâncias excepcionais e criamos um programa para compatriotas em situação de vulnerabilidade que ainda seguem no exterior", anunciou Solá em sua conta no Twitter.

"Nossos consulados e embaixadas têm a instrução de garantir hospedagem, alimentação, assistência sanitária e todas as necessidades básicas àquelas pessoas que não tenham outra alternativa. Seguiremos caso a caso até que possam retornar", acrescentou.

Coronavírus liga alerta pelo mundo

Notícias