PUBLICIDADE
Topo

Covas tem sangramento no fígado, passa por procedimento e vai para a UTI

Bruno Covas em coletiva de imprensa - João Alvarez/Fotoarena/Folhapress
Bruno Covas em coletiva de imprensa Imagem: João Alvarez/Fotoarena/Folhapress
do UOL

Alex Tajra e Marcelo Oliveira*

Do UOL, em São Paulo

11/12/2019 18h26Atualizada em 12/12/2019 11h49

Resumo da notícia

  • Diagnosticado com câncer, Covas passou por procedimento
  • Durante demarcação da lesão tumoral ele apresentou hemorragia
  • Prefeito de São Paulo foi encaminhado para a UTI

O prefeito de São Paulo, Bruno Covas (PSDB), apresentou sangramento interna no fígado e foi encaminhado para a UTI (Unidade de Terapia Intensiva) do Hospital Sírio-Libanês, na capital. Covas teve uma artéria do fígado perfurada durante um procedimento para demarcação da lesão do tumor, o que causou o sangramento.

O prefeito deverá ficar na UTI por um período entre 24 e 48 horas. Amanhã, um boletim médico deverá ser emitido para apontar as condições do político.

Dor após sessão

Internado desde domingo (8) para o quarto ciclo da quimioterapia, Covas reclamou que estava com dor após a sessão desta quarta (11), a última da etapa.

Foram feitos exames e ele foi diagnosticado com um pequeno sangramento no fígado, causado pelo procedimento de marcação, que sinaliza fisicamente, no órgão, o local do tumor.

O quadro do prefeito é estável. A internação em UTI, segundo a reportagem do UOL apurou, é apenas para que o paciente possa ter assistência médica em tempo integral. O prefeito está consciente, sem dor e tranquilo. Amanhã, ele deverá ser visitado por políticos.

Diagnosticado com um câncer entre o esôfago e o estômago, a equipe do hospital informou no dia 9 que ele não passará por cirurgia. Covas continuará a ser tratado por quimioterapia, em um total de oito sessões.

*Colaborou Nathan Lopes, do UOL, em São Paulo

Ontem, exames indicaram redução de tumores de Bruno Covas

Band Notí­cias

Notícias