Topo

Low cost argentina amplia voos de Buenos Aires para Rio e Florianópolis

Divulgação
Imagem: Divulgação

Letícia Fucuchima

São Paulo

22/10/2019 17h31Atualizada em 22/10/2019 19h47

Menos de um mês operando no Brasil, a companhia aérea argentina Flybondi anunciou nesta terça-feira, 22, novas frequências conectando Buenos Aires a Florianópolis (SC) e Rio de Janeiro (RJ).

Adepta do modelo de negócios ultra low cost, a Flybondi realizou seu voo inaugural ao País, na rota Buenos Aires-Rio, em 11 de outubro. Graças à alta demanda, a empresa decidiu aumentar o número de voos semanais na rota, de três (às quartas-feiras, sextas e domingos) para quatro (às segundas-feiras).

Já em Florianópolis, a Flybondi começará a voar em 19 de dezembro e incorporará uma nova frequência às três que já estavam à venda. Segundo a empresa, os voos entre a capital catarinense e Buenos Aires serão as terças, quintas, sábados e domingos.

A ultra low cost argentina voa para 17 destinos, sendo 14 argentinos e três internacionais (Asunción, além das duas cidades brasileiras).

Até o fim de 2019, a companhia prevê lançar mais duas ou três novas regionais, que começarão a operar a partir de março e abril de 2020.

Veja mais economia de um jeito fácil de entender: @uoleconomia no Instagram.

Ouça os podcasts Mídia e Marketing, sobre propaganda e criação, e UOL Líderes, com CEOs de empresas.

Mais podcasts do UOL em uol.com.br/podcasts, no Spotify, Apple Podcasts, Google Podcasts e outras plataformas.

Passagens aéreas ficam mais baratas nesta época do ano

Band Notí­cias

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{user.alternativeText}}
Avaliar:

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Notícias