Topo

Panamá retira credenciais de embaixador de Maduro e outros funcionários

2019-03-22T22:50:00

22/03/2019 22h50

Cidade do Panamá, 22 mar (EFE).- O Panamá retirou as credenciais de Jorge Durán, embaixador do governo de Nicolás Maduro, e de mais de uma dezena de funcionários diplomáticos venezuelanos, segundo informou o governo panamenho nesta sexta-feira, um dia depois da detenção do chefe do escritório do autoproclamado presidente em exercício da Venezuela, Juan Guiado.

"O Panamá tomou a decisão de retirar as credenciais de 14 funcionários da Missão Diplomática da Venezuela no Panamá, excetuando desta medida os funcionários de carreira e os que atendem os assuntos consulares", disse o Executivo de Juan Carlos Varela em comunicado. EFE

Mais Notícias