PUBLICIDADE
Topo

Notícias

Polícia prende suposto cumplice de autor de atentado em Nice

30/10/2020 13h28

Paris, 30 out (EFE).- A polícia da França prendeu um homem por possível cumplicidade com o autor do ataque islâmico na quinta-feira em Nice, no qual três pessoas - entre elas uma brasileira - foram mortas esfaqueadas em uma igreja da cidade.

"Um homem de 47 anos foi preso ontem à noite. Ele é suspeito de ter entrado em contato com o autor", disse nesta sexta, uma fonte judicial à Agência Efe, que não forneceu mais detalhes.

O terrorista, baleado pelos policiais quando estava prestes a atacá-los, foi hospitalizado em estado grave.

Ele é um homem de 21 anos, de nacionalidade tunisiana, que chegou à ilha de Lampedusa, na Itália, no dia 20 de setembro, seguindo a rota de migração do Mediterrâneo Central.

Segundo um documento da Cruz Vermelha italiana que ele transportava, e que as autoridades francesas consideram autêntico, ele desembarcou no dia 9 de outubro no porto de Bari, no sul da Itália.

A investigação agora se concentra em descobrir como o tunisiano chegou à França vindo de Bari e sua "possível cumplicidade", disse o promotor nacional antiterrorista, Jean-François Ricard, durante entrevista coletiva na noite passada.

O terrorista entrou Basílica de Notre-Dame, no centro de Nice, e em 30 minutos matou três pessoas a facadas: uma idosa de 60 anos que quase foi decapitada, o sacristão do templo, de 55 anos, e a brasileira Simone Barreto Silva, de 44 anos.

A brasileira ainda conseguiu deixar a igreja e tentou se esconder em um restaurante próximo, mas não resistiu aos ferimentos. EFE

rcf/phg

Notícias