PUBLICIDADE
Topo

Inglesa agride profissional de saúde que estava falando em polonês em pub

Clare McCarthy (foto) alegou ter se defendido de provocações de grupo que conversava em polonês dentro de bar na cidade de Bristol - Reprodução
Clare McCarthy (foto) alegou ter se defendido de provocações de grupo que conversava em polonês dentro de bar na cidade de Bristol Imagem: Reprodução
do UOL

Do UOL, em São Paulo

06/07/2020 18h43

O final de semana foi marcado pela reabertura dos pubs na Inglaterra, país que havia fechado os estabelecimentos em março como medida de isolamento contra a pandemia do novo coronavírus. No entanto, em um bar da cidade de Bristol, uma briga acabou envolvendo uma funcionária do NHS, o serviço público local de saúde.

Em video, Clare McCarthy aparece tentando acertar a enfermeira Anna Rutkowska. "Você me acertou antes", diz Clare, acompanhada por um homem. "Então eu sou racista?", questiona ela posteriormente.

Segundo a imprensa britânica, Anna Rutkowska estava conversando em polonês com outras pessoas quando foi agredida por Clare. "Você está na Inglaterra agora", gritou. Os envolvidos na discussão foram retirados do local.

Ao jornal Daily Mail, no entanto, Clare negou que tenha agredido Anna Rutkowska com ofensas xenofóbicas. Em sua versão, disse que o grupo de poloneses no bar ficou encarando ela e rindo por 20 minutos, até que ela resolveu confrontá-los.

"Não tenho um só osso racista em meu corpo", disse Clare. "Esta mulher me acusou de atacá-la e eu sei que, sob os olhos da lei, se você encosta primeiro em alguém, você é o instigador. Então, entrei em contato com policiais e reportei o incidente."

As autoridades locais investigam o caso. A britânica — que alega ter sido demitida após o incidente se tornar viral — diz que se envolveu na briga após ser atacada, sem agressões verbais.

"Não sei se o vídeo foi editado, mas se tivesse três segundos a mais, você veria que ela me empurrou primeiro, antes de qualquer coisa. E eu obviamente fui atrás dela", argumentou. "Não tenho orgulho de minha reação, mas eu estava me defendendo."

Notícias