PUBLICIDADE
Topo

Dólar recua ante real com otimismo global e após dados sobre emprego nos EUA

02/07/2020 09h11

Por Luana Maria Benedito

SÃO PAULO (Reuters) - O dólar operava em queda contra o real nesta quinta-feira, com os investidores esperançosos sobre uma recuperação econômica global e progresso no desenvolvimento de vacina contra a Covid-19, enquanto dados positivos sobre o emprego nos Estados Unidos impulsionavam a busca por risco.

A criação de vagas de trabalho fora do setor agrícola dos EUA chegou a 4,8 milhões em junho, mostrou um relatório mensal do Departamento do Trabalho do país nesta quinta-feira. Esse foi o maior salto desde que o governo começou a manter registros, em 1939, e ficou acima da expectativa de ganho de 3 milhões de vagas em pesquisa da Reuters.

Analistas citavam grande entusiasmo com o resultado, o que elevava o apetite por risco e pressionava a moeda norte-americana contra boa parte das divisas emergentes e associadas a commodities.

"Hoje é um dia mais solto e otimista, desde a madrugada, e aí teve payroll, a taxa de desemprego norte-americana caiu... tudo isso melhora a expectativa de afouxamento do dólar no mercado internacional", disse à Reuters Álvaro Bandeira, economista-chefe do banco digital Modalmais.

Enquanto isso, notícias de que uma vacina sendo testada pela Pfizer e pela BioNTech foi bem tolerada em testes iniciais com humanos ajudavam a manter o bom humor.

Às 10:33, o dólar recuava 0,11%, a 5,3122 reais na venda, enquanto o contrato mais líquido de dólar futuro ganhava 0,01%, a 5,325 reais.

Na mínima do dia, o dólar à vista foi a 5,2736 reais.

Ainda assim, havia riscos para o lado negativo. Temores sobre uma segunda onda de infecções por Covid-19 continuam no radar dos investidores, assim como as tensões entre Estados Unidos e China.

"O feriado amanhã nos EUA (pelo Dia da Independência) traz essa possível 'pressa' pelo fechamento do período, com os mercados mantendo a tendência positiva, porém é importante destacar que em meio a todo o otimismo observado, a cautela ainda é necessária", disse a Infinity Asset em nota, destacando possíveis frustações com os testes da vacina e "uma contaminação psicológica dos analistas dos dados mais recentes de atividade econômica".

No Brasil, a produção da indústria voltou a apresentar aumento em maio, mas ainda insuficiente para recuperar as perdas registradas em março e abril devido às paralisações por conta do coronavírus.

O dólar ainda acumula ganho de cerca de 32% contra o real no ano de 2020, apesar de ter perdido terreno desde que ficou a poucos centavos de tocar 6 reais em maio. Juros baixos e incertezas políticas e econômicas locais continuam sendo fatores de pressão para a moeda brasileira.

Na última sessão, o dólar spot caiu 2,24%, a 5,318 reais na venda.

O Banco Central fará neste pregão leilão de swap tradicional para rolagem de até 12 mil contratos com vencimento em novembro de 2020 e março de 2021.

Notícias