PUBLICIDADE
Topo

Nova York adia reabertura do interior de bares e restaurantes

01/07/2020 18h18

Nova York, 1 jul (EFE).- O prefeito de Nova York, Bill de Blasio, anunciou nesta quarta-feira o adiamento da abertura do interior de bares e restaurantes, já que, em sua opinião, esses locais estão intimamente relacionados à disseminação da Covid-19 nos estados que eles estão ocorrendo novos surtos, como Flórida e Califórnia.

"Temos que tomar decisões difíceis com base nos dados. Sabemos que decisões prematuras foram tomadas em outras partes do país e que isso mais tarde se tornaram um problema, especialmente com o retorno a locais fechados, como bares e restaurantes. A ciência está nos mostrando isso", disse De Blasio, durante sua entrevista coletiva diária.

Ele enfatizou que, neste exato momento da pandemia, "não é possível avançar" no retorno do serviço dentro desses estabelecimentos, cuja volta estava prevista na fase três do desconfinamento em que a cidade nova-iorquina entrará na próxima segunda-feira.

"Honestamente, até uma semana atrás, eu esperava que esses lugares pudessem ser reabertos. Mas as notícias que recebemos de outros estados nos mostram o caminho. Trabalharemos com o estado para adiar a abertura do interior de bares e restaurantes até que seja necessário", disse De Blasio, admitindo estar preocupado com os comentários do principal epidemiologista do país, Dr. Anthony Fauci, que durante uma aparição no Senado apontou para a possibilidade dos Estados Unidos registrarem até 100 mil casos diários de Covid-19.

Por esse motivo, insistiu o prefeito, é hora de apostar no programa "Restaurantes Abertos", pelo qual a prefeitura já recebeu mais de 6,6 mil solicitações e com as quais espera promover o uso dos terraços, que mais uma vez descreveu como "sucesso".

"Acho que muitas outras lojas poderiam se beneficiar com isso, especialmente as pequenas empresas. Estou muito convencido de que podemos ajudar bares e restaurantes a recuperar sua atividade econômica com segurança", acrescentou o prefeito.

O estado de Nova Jersey também anunciou ontem que decidiu recuar e não permitir a reabertura do interior de bares e restaurantes nesta semana, como havia planejado em seu retorno progressivo à normalidade. EFE

cmg/phg

Notícias