PUBLICIDADE
Topo

Grupos são detidos em festas no RN e no CE por desobedecerem quarentena

Mulher segura máscara de proteção - Javier Zayas Photography/Getty Images
Mulher segura máscara de proteção Imagem: Javier Zayas Photography/Getty Images
do UOL

Aliny Gama

Colaboração para o UOL, em Maceió

04/04/2020 18h32

Dois grupos que realizavam festas nos municípios de Alexandria, no Rio Grande do Norte, e São Benedito, no Ceará, foram detidos pela polícia por quebrar o isolamento social determinado pelos governos dos Estados em combate ao contágio do coronavírus, que provoca a doença Covid-19. Pelo menos 431 pessoas morreram de Covid-19 e 10.278 estão infectadas com o vírus, segundo dados do Ministério da Saúde divulgados no final da tarde de hoje.

A Polícia Militar do Rio Grande do Norte informou que um grupo de pessoas foi flagrado em uma casa onde funcionava um bar, no município de Alexandria (RN), na noite de ontem. Após orientação da PM, algumas pessoas deixaram o local, mas as que desobedeceram a ordem da polícia foram detidas e levadas para a delegacia do município. O número de presos não foi informado.

A Polícia Civil lavrou TCO (Termo Circunstanciando de Ocorrência) e os detidos foram liberados. Eles responderão na Justiça pelos crimes de desobediência e descumprimento ao decreto que proíbe aglomeração de pessoas no Estado.

Segundo a PMRN, os condutores de veículos que estavam no local foram abordados e nada foi encontrado. "Estamos em ações sempre pedindo para que haja a colaboração de nossa população", disse o porta-voz da PM referindo-se ao decreto de número 29.541/2020, do governo do Estado, que proíbe aglomerações, como festas, neste período de pandemia da Covid-19.

No Rio Grande do Norte, já são quatro mortes em decorrência da Covid-19, 176 pessoas infectadas pelo coronavirus e 2.288 casos suspeitos da doença.

Já no Ceará, onze pessoas que participavam de uma festa particular com churrasco e bebidas alcoólicas, em São Benedito, foram presas pela Polícia Militar, na madrugada de hoje, também pelo descumprimento da quarentena para combate ao coronavírus determinado pelo governo do Ceará.

Segundo a PM, outra pessoa foi presa em São Benedito por abrir comércio não essencial, que está proibido de acordo com o decreto do governo do estado.

O grupo foi levado para a delegacia do município de Guaraciaba do Norte, que estava responsável pelo plantão policial deste fim de semana na região. A Polícia Civil ouviu os detidos, depois lavrou TCO e eles foram liberados para responder em liberdade.

No Ceará, de acordo com dados da Sesa (Secretaria da Saúde do Estado), 23 pessoas morreram por Covid-19 e 745 pessoas estão com a doença. Dos 745 casos de pessoas infectadas, 680 são residentes em Fortaleza.

Notícias