Topo

Soldados do Burundi morrem em emboscada dos shebab na Somália

15/09/2019 17h44

Mogadíscio, 15 Set 2019 (AFP) - Soldados burundineses da Missão da União Africana na Somália (Amisom, sigla em inglês) morreram neste sábado em uma emboscada realizada por militantes islamitas shebab contra um comboio militar ao norte de Mogadíscio, informou uma fonte da segurança.

"Fomos informados desta emboscada, em que soldados morreram" na estrada entre Mogadíscio e a cidade de Jowhar, a 90 km da capital, indicou Abdikarim Hasan, responsável pela segurança do distrito de Balcad, próximo ao local do ataque.

Um alto oficial do Burundi informou à AFP que "12 soldados morreram e seis foram feridos pelos shebab, que armaram uma emboscada".

Os shebab, afiliados à Al-Qaeda, reivindicaram a autoria do ataque e disseram ter matado 14 soldados do Burundi. Expulsos de Mogadíscio em 2011, eles perderam a maioria de seus redutos, mas continuam controlando zonas rurais, de onde realizam operações de guerrilha e atentados suicidas, incluindo a capital, contra alvos do governo, da segurança ou civis.

nur-cyb/sba/mis/bl/lb

Mais Notícias