PUBLICIDADE
Topo
Notícias

Notícias

Conteúdo publicado há
1 mês

Melbourne decide flexibilizar um dos mais longos lockdowns do mundo

Ruas no centro de Melbourne, na Austrália, ficaram praticamente vazias após sexto lockdown na cidade, em agosto - Con Chronis/AFP
Ruas no centro de Melbourne, na Austrália, ficaram praticamente vazias após sexto lockdown na cidade, em agosto Imagem: Con Chronis/AFP

Lidia Kelly

17/10/2021 13h02

MELBOURNE, Austrália (Reuters) - A cidade australiana de Melbourne, que passou mais tempo sob ordens de isolamento social do que qualquer outra no mundo, deve flexibilizar o lockdown a partir desta semana, disseram autoridades neste domingo.

Até sexta-feira, quando algumas das medidas de isolamento serão suspensas, Melbourne, que tem 5 milhões de habitantes, estará sob um lockdown de 262 dias, ou quase nove meses, desde março de 2020.

A mídia australiana e outras empresas dizem que este é o mais longo do mundo, ultrapassando o bloqueio de 234 dias em Buenos Aires.

Enquanto os casos de coronavírus continuam aumentando no Estado de Victoria, do qual Melbourne é a capital, a taxa de vacinação dupla do Estado deve chegar a 70% esta semana, permitindo a redução das restrições.

"Hoje é um grande dia", disse a premiê Victoria Daniel Andrews. "Hoje é um dia em que os vitorianos podem se orgulhar do que conquistaram."

O Estado, porém, vai manter a capacidade de estabelecimentos comerciais fortemente restrita. Um nível de abertura mais amplo virá quando 80% dos vitorianos elegíveis estiverem totalmente vacinados, algo que é previsto para até 5 de novembro.

No domingo, Victoria registrou 1.838 novos casos de coronavírus e sete mortes. O Estado vizinho de Nova Gales do Sul, que emergiu na semana passada de um bloqueio de 100 dias, relatou 301 casos e 10 mortes. Oitenta por cento da população do Estado foi totalmente vacinada.

Notícias