PUBLICIDADE
Topo

Notícias

'Nêgo Charia', um dos 23 criminosos mais procurados do país, é preso em SP

Leandro Charias, o "Nêgo Charia", constava em lista de mais procurados pelo Ministério da Justiça - Reprodução/Ministério da Justiça
Leandro Charias, o 'Nêgo Charia', constava em lista de mais procurados pelo Ministério da Justiça Imagem: Reprodução/Ministério da Justiça
do UOL

Do UOL, em São Paulo

25/09/2020 00h07

Um dos criminosos mais procurados no país, Leandro Charias, conhecido como 'Nêgo Charia', foi preso na noite de hoje em ação da 5ª Delegacia de Patrimônio e Roubo a Bancos do Deic (Departamento Estadual de Investigações Criminais de São Paulo). Suspeito de participação em, ao menos, 30 roubos a bancos, ele foi localizado no bairro Jardim Nossa Senhora do Carmo, na Zona Leste da capital Paulista.

Charias consta em lista elaborada pelo Ministério da Justiça com os 23 nomes mais procurados do país. Ex-polícial militar, ele era procurado pela polícia paulista há cinco anos, quando identificaram que ele estava por trás de diversos ataques a instituições financeiras.

Diante da busca, Charias deixou o estado e, segundo a Polícia Civil, "integrou outras quadrilhas" até participar de uma invasão, em dezembro passado, de um caixa-forte do Banco do Brasil em Campo Grande (MS). Na ocasião, um túnel de pouco mais de 60 metros que ligava uma casa ao cofre foi descoberto pela polícia, em ação que resultou na morte de dois suspeitos e prisão de outros sete.

Em nota, o Deic afirmou que Charias decidiu retornar a São Paulo — embora não tenha especificado quando.

"O retorno rapidamente foi detectado pelo radar da equipe da 5ª Patrimônio. Ele tentou a estratégia de mudar várias vezes de endereço. Mesmo assim os policiais localizaram o procurado na rua Veríssimo da Silva, Jardim Nossa Senhora do Carmo. A ação não permitiu reação", diz o texto.

Notícias