PUBLICIDADE
Topo

Notícias

BA: em vídeo, representante de indústrias de sisal admite irregularidades

Wilson Andrade, representante das indústrias de sisal da Bahia, revelou irregularidades com relação aos trabalhadores após entrevista à Record TV - Reprodução/Record TV
Wilson Andrade, representante das indústrias de sisal da Bahia, revelou irregularidades com relação aos trabalhadores após entrevista à Record TV Imagem: Reprodução/Record TV
do UOL

Do UOL, em São Paulo

07/08/2020 11h17

Wilson Andrade, presidente da Sindifibras, entidade que representa todas as indústrias de sisal da Bahia, admitiu a situação de irregularidades dos trabalhadores rurais no estado.

"O esquema é completamente irregular. É completamente irregular. Não tem registro, o cara trabalha como autônomo. Chega na sua fazenda, tira o sisal. Metade é seu, metade é meu. Tá errado. Ela tem razão. Agora você tem que defender naquilo que pode, tá certo?", diz Andrade no vídeo.

A fala foi feita após entrevista ao programa "Repórter Record Investigação", da Record TV, exibida na noite de ontem. Terminada a entrevista, feita via chamada de vídeo, Andrade não encerrou a ligação e fez as declarações sem perceber que ainda estava sendo ouvido pela reportagem.

O programa mostrou as condições desumanas em que trabalham adultos e crianças nas lavouras de sisal, planta que serve de matéria-prima para produção de cordas, chapéus e tapetes na Bahia.

O UOL tentou contato por telefone com o Sindifibras, mas não conseguiu retorno.

Notícias