PUBLICIDADE
Topo

Chefe da polícia regional alemã renuncia devido a possíveis vínculos com a extrema direita

14/07/2020 12h32

Frankfurt am Main, 14 Jul 2020 (AFP) - Um chefe regional da polícia alemã anunciou nesta terça-feira (14) sua demissão devido a um crescente escândalo sobre vínculos com a extrema direita para ameaçar personalidades da esquerda.

O caso ocorreu após a descoberta recentemente do uso de um computador da polícia do estado de Hesse, onde fica Frankfurt, para buscar dados privados de pessoas que foram alvos de insultos e ameaças de morte pela extrema direita.

Como consequência, o chefe da polícia regional de Hesse, Udo Münch, anunciou que estava deixando o cargo e se aposentando mais cedo.

Até o momento, foi estabelecido que o computador de serviço da polícia serviu para baixar dados pessoais de uma autoridade política de esquerda desta região, assim como de uma artista. Ambas receberam ameaças de grupos neonazistas alemães.

ylf/yap/sg/me/mb/aa

Notícias