PUBLICIDADE
Topo

Notícias

Com punições para Hamilton, Bottas vence GP da Rússia de F1

27/09/2020 09h50

SÃO PAULO, 27 SET (ANSA) - Com duas punições a Lewis Hamilton, o finlandês Valtteri Bottas, da Mercedes, venceu o Grande Prêmio da Rússia de Fórmula 1 neste domingo (27). A segunda posição ficou com Max Verstappen, da Red Bull, e o atual líder do campeonato ficou na terceira colocação.   


O hexacampeão, que lutava para igualar o recorde de 91 vitórias de Michael Schumacher na categoria, cometeu duas irregularidades que lhe custaram 10 segundos na corrida por treinar a largada em locais proibidos ainda durante a volta de instalação em Sóchi.   


Após fazer uma boa largada e ganhar a posição de Verstappen, Bottas foi beneficiado pelas punições do companheiro de equipe e liderou a corrida sem nenhuma dificuldade.   


A corrida ainda foi marcada por dois acidentes logo na primeira volta, com Carlos Sainz, da McLaren, batendo sozinho na barreira de proteção e Lance Stroll, da Racing Point, colidindo após um leve toque de Charles Leclerc, da Ferrari.   


As Ferraris, que não conseguiram se classificar entre os 10 carros mais rápidos do grid no sábado (26), terminaram na sexta colocação com Leclerc e na 13ª com Sebastian Vettel. (ANSA).   


Veja mais notícias, fotos e vídeos em www.ansabrasil.com.br.



Notícias