PUBLICIDADE
Topo
Notícias

Notícias

OPINIÃO

Texto em que o autor apresenta e defende suas ideias e opiniões, a partir da interpretação de fatos e dados.

4 passos para investir todos os meses de maneira simples

Yolanda Fordelone

Yolanda Fordelone

Yolanda Fordelone é economista e jornalista, teve passagens por grandes jornais nas áreas de economia e finanças, foi professora em um curso de graduação em Economia e hoje coordena uma equipe em um aplicativo de gestão financeira. Além disso, se dedica às finanças pessoais no Econoweek.

do UOL

28/09/2021 04h00

Em um vídeo publicado no canal do Econoweek, recebemos uma mensagem do Danilo Ávila dizendo o seguinte: "É possível investir todos os meses?"

A resposta é: sim, é possível. E mais: você pode automatizar essa aplicação. A coluna explica como.

Automatizar os investimentos tem o lado bom e o ruim. Investir todo mês de maneira automática é interessante porque você vai guardar dinheiro faça chuva ou faça sol.

Todo mês surge algo que queremos comprar, mas se o investimento for automático não há o risco de gastar o dinheiro e não sobrar nada para aplicar.

Por outro lado, sempre estará investindo na mesma aplicação, seja um título do Tesouro Direto, uma previdência privada ou um fundo de investimento. Não há diversificação.

A dica aqui é: se você tem dificuldade para guardar dinheiro e investir, automatizar pode ser um bom primeiro passo. Mas use a ferramenta com estratégia. Coloque no automático um valor mínimo que quer aplicar em um mesmo ativo e faça um esforço para investir um pouco mais no fim do mês. Esse valor extra pode ser direcionado para diferentes investimentos no intuito de diversificar a carteira.

Onde é possível automatizar?

Existem algumas opções. É possível automatizar aplicações na previdência privada e em fundos de investimento. O cuidado é prestar atenção às taxas, pois dependendo da tarifa cobrada a rentabilidade fica muito baixa.

Você também pode automatizar a aplicação em contas digitais, por exemplo. Vamos supor que você tenha conta em um grande banco, por meio do qual recebe seu salário. Basta programar transferências automáticas todo mês para a conta digital onde vai guardar o dinheiro.

Algumas corretoras também oferecem a opção de deixar a aplicação em ações automáticas.

Por fim, também é possível investir no Tesouro Direto de maneira automática, conforme mostramos no vídeo acima.

Como investir todo mês?

O primeiro passo é pensar no porque quer investir todo mês, ou seja, definir um objetivo. É para comprar um carro, se mudar, fazer a reserva de emergência ou sair do emprego atual?

Isso é importante para você não desistir de poupar no meio do caminho. Sempre que pensar em parar de investir, vai se lembrar da conquista que terá lá na frente.

O segundo passo é ter uma conta em uma corretora, de preferência uma que cobra baixas taxas em ações e seja isenta no Tesouro Direto. Claro, se optar por aplicar em uma conta digital como PagBank ou Nuconta não é preciso abrir conta em corretora.

O terceiro passo é transferir o dinheiro automaticamente para a corretora ou conta digital, via TED ou DOC. Só confira se não há tarifas nessa transferência.

Tente agendar a transferência próxima à data de recebimento do salário ou da renda. Assim, você inverte a lógica: não vai investir o que sobrar no fim do mês, mas vai se pagar primeiro, ou seja, investir exatamente o que combinou com você mesmo.

O quarto passo é de fato investir. Se a sua corretora não tiver ferramentas que façam isso automaticamente, você terá de entrar no site e investir por conta própria.

Se o produto escolhido for o Tesouro Direto, é possível automatizar por meio do site. Basta comprar um título normalmente e, na hora de fechar o pedido, ao invés de clicar em investir agora, escolha a opção agendar. Ali, há duas alternativas: agendamento único (apenas uma vez) ou agendamento mensal.

Se escolher essa segunda opção, todo mês investirá a quantia escolhida. Só preste atenção de ter o valor na conta da corretora todo mês para não ficar inadimplente com o Tesouro. Por isso, é importante deixar transferências automáticas para a conta da corretora.

Você investe todo mês ou em outra periodicidade? Comente abaixo ou nas nossas redes sociais (Instagram ou YouTube).

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do UOL

Notícias