PUBLICIDADE
Topo

Notícias

Homem pode ficar paraplégico após cirurgia para ficar mais alto dar errado

Homem de 22 anos na China fez cirurgia para ficar com 1,8 m - Virojt Changyencham/Getty Images
Homem de 22 anos na China fez cirurgia para ficar com 1,8 m Imagem: Virojt Changyencham/Getty Images
do UOL

Do UOL, em São Paulo

24/09/2020 11h46

Um homem de 22 anos na China pode ficar paraplégico por causa das complicações de uma cirurgia experimental para ficar mais alto. Segundo uma emissora de TV local, o jovem, cujo nome não foi revelado, viajou para a Europa para fazer a cirurgia, que é proibida na China desde 2006.

A intervenção consiste em cortar os ossos da perna na região da canela e inserir um dispositivo "esticador" que pode aumentar a altura do paciente em alguns centímetros. O homem em questão, por exemplo, queria ter 1,8 m de altura.

Depois da cirurgia, no entanto, ele começou a sentir dores fortes e percebeu que as feridas não estavam cicatrizando. Ele foi até um hospital na região de Jiangsu, onde mora, e uma infecção foi detectada.

Cirurgias do tipo foram proibidas na China após uma série de complicações similares. No país asiático, a altura é considerada sinônimo de status, e muitos anúncios pessoais e vagas de trabalho citam uma altura mínima para candidatos.

Embora a mídia chinesa não tenha revelado quanto o homem em questão gastou com sua cirurgia, o Daily Mail apurou que intervenções similares saem por até 76 mil libras esterlinas no Reino Unido (o equivalente a R$ 540 mil).

Notícias