PUBLICIDADE
Topo

Com 117 novas mortes, Itáia supera 33 mil óbitos por Covid-19

27/05/2020 18h14

Roma, 27 mai (EFE).- Após passar três dias com menos de 100 mortes diárias por Covid-19, a Itália registrou nesta quarta-feira 117 óbitos causados pela doença, o que eleva para 33.072 o total desde que a pandemia foi identificada no país, em 21 de fevereiro.

Ao todo, o governo italiano contabiliza 231.139 casos, contando com os 584 registrados nas últimas 24 horas. No dia anterior, o país havia computado 397 novos contágios.

Quase dois terços dos novos casos correspondem à região da Lombardia, no norte, a mais afetada pela pandemia, onde ocorreram 58 das mortes reportadas mais recentemente.

O país reduz progressivamente o número de casos ativos, que atualmente somam 50.966, 1.976 a menos do que no dia anterior. Também tem caído o número de pessoas hospitalizadas e internadas, enquanto sobe a quantidade de curados, 2.443 a mais do que na terça-feira.

A Itália está em pleno processo de desconfinamento, que começou em 4 de maio, quando permitiu a retomada de atividades como construção civil e manufatura. No dia 18 de maio, foi a vez das atividades comerciais, hotéis e praias, e no dia 25, os ginásios e piscinas.

A partir do dia 3 de junho, o país permitirá a movimentação em nível nacional e abrirá as fronteiras para os Estados-membros da União Europeia, plano que está sendo finalizado pelo governo e que deverá ter os primeiros detalhes revelados nos próximos dias. EFE

lsc/vnm

Notícias