PUBLICIDADE
Topo

Vaticano apela por diálogo entre israelenses e palestinos

01/07/2020 17h31

CIDADE DO VATICANO, 1 JUL (ANSA) - Durante reunião com embaixadores dos Estados Unidos e Israel nesta quarta-feira (1º), o secretário de Estado do Vaticano, Pietro Parolin, expressou "a preocupação da Santa Sé sobre as possíveis ações unilaterais que podem comprometer a busca pela paz entre israelenses e palestinos e a delicada situação no Oriente Médio".   

No encontro, o religioso reiterou que o "Estado de Israel e o Estado da Palestina têm o direito de existir e de viver em paz e segurança, dentro de fronteiras internacionalmente reconhecidas". Com isso, a Santa Sé apela para as partes se esforçarem para reabrir o caminho da negociação direta, com base nas resoluções relevantes das Nações Unidas, facilitada por medidas que servem para restaurar a confiança recíproca para que tenham a coragem de dizer sim ao encontro e não ao conflito".   

Parolin ressaltou a importância de garantir o diálogo e não a violência e "dizer sim às negociações e não às hostilidades; sim ao respeito pelos acordos e não aos atos de provocação; sim à sinceridade e não à duplicidade", recordando a oração pronunciada pelo Papa Francisco pela Paz na Terra Santa, em 8 de junho de 2004. (ANSA)
Veja mais notícias, fotos e vídeos em www.ansabrasil.com.br.


Notícias