PUBLICIDADE
Topo

Weintraub cita 'mudar regras' para evitar Brasil em 'paraíso esquerdista'

Marcelo Camargo/Agência Brasil
Imagem: Marcelo Camargo/Agência Brasil
do UOL

Do UOL, em São Paulo

30/05/2020 18h37

O ministro da Educação, Abraham Weintraub, afirmou que uma estrutura para levar o Brasil "para um paraíso esquerdista" foi criada. Para ele, é necessário "mudar regras" para impedir que isso se consolide.

As declarações, publicadas pelo jornal O Globo, foram dadas em uma palestra virtual do Movimento Brasil Conservador (MBC), organização que apoia o governo de Jair Bolsonaro.

"Criou-se uma estrutura para levar o Brasil para um paraíso esquerdista. E como a gente resolve isso? Indo atrás dos oligopólios e monopólios, tendo coragem para enfrentar a discussão ideológica e mudando as regras da Nova República, porque elas foram montadas por um sistema que sempre vai gerar a mesma coisa", falou Weintraub.

Minutos depois, ele questionou a separação dos Três Poderes e declarou que a esquerda é "inimiga dos valores e da razão", já que ela "tem nojo do lucro."

Na conversa, o ministro ainda falou que o "pessoal do oligopólio está louco para criar o campeão nacional do Ensino Superior, já está tudo montado, falta só virar a chave". Ele não deu, no entanto, explicações sobre este pensamento.

Notícias