Topo

Capital do Chile entra em alerta após roubo de carro com substância nuclear

19/07/2019 15h48

Por Dave Sherwood e Natalia A. Ramos Miranda

SANTIAGO (Reuters) - O que parecia um caso simples de roubo de carro em Santiago, capital do Chile, nesta sexta-feira se tornou mais grave quando as autoridades disseram que o veículo carregava uma substância radioativa perigosa.

A agência nuclear chilena, CCHEN, disse que o veículo roubado, um caminhão, transportava uma peça de equipamento radiográfico industrial chamada SENTINEL 880, "que contém a substância radioativa irídio-192".

O irídio-192 é um isótopo radioativo do elemento químico irídio, segundo o Centro Nacional de Informação de Biotecnologia dos Estados Unidos. Doses altas de irídio-192 são usadas para tratar tumores. A substância também é usada em sistemas clínicos de raio-X.

"Não toquem, manipulem ou tentem utilizar o dispositivo, já que ele pode causar sérios efeitos de saúde", disse o CCHEN em um comunicado.

A agência publicou uma foto do equipamento em sua conta de Twitter e recomendou que qualquer pessoa que aviste a peça ou o veículo roubado ligue imediatamente para a polícia ou o corpo de bombeiros local.

Mais Notícias