PUBLICIDADE
Topo

Jardine vê São Paulo destemperado e Santos 'um estágio acima'

27/01/2019 20h27

André Jardine se disse decepcionado após a derrota do São Paulo para o Santos, por 2 a 0, no Pacaembu. Um dos fatores que desagradaram o treinador foi o nervosismo dos jogadores, sobretudo no primeiro tempo.

- No primeiro tempo tivemos um pouquinho de destempero emocional, entramos em discussões que não ajudam em nada. Inclusive a falta do gol (de Nenê sobre Carlos Sánchez) é de um lance oriundo de um tipo de situação, a gente precisa ser mais equilibrado emocionalmente. É uma crítica que eu fiz aos jogadores e provavelmente a gente vai melhorar nisso - analisou.

O comandante são-paulino também fez elogios ao adversário, que ele julga estar "um estágio acima" do São Paulo. Adepto do jogo propositivo, Jardine viu sua equipe correr atrás do Santos durante a maior parte do jogo e não acertar sequer uma finalização no alvo.

- Pode ter certeza que não fico satisfeito de ver minha equipe ser dominada, mas quando enfrentamos equipes que estão um estágio acima vamos ter que saber jogar no erro (do adversário) também - analisou.

- O Santos vem sendo muito feliz na sua proposta ofensiva. Estudei bastante a equipe deles nos últimos dias, fiquei bastante impressionado com a qualidade, com a velocidade com que o Sampaoli conseguiu dar um padrão de jogo. É mérito dele, tem muito dedo dele. No amistoso contra o Corinthians eles também tiveram uma imposição importante - finalizou Jardine.

O São Paulo volta a campo na quinta-feira, às 21h, contra o Guarani. O time treina às 16h desta segunda-feira no CT da Barra Funda. Hernanes, que ainda não jogou no Paulistão por estar em recondicionamento físico, tem chance de aparecer na equipe.

Esporte