Topo
Notícias

Conteúdo publicado há
2 meses

Primeiro-ministro da República Democrática do Congo renuncia, diz Presidência

Primeiro-ministro da República Democrática do Congo, Jean-Michel Sama Lukonde - Reprodução/TV5
Primeiro-ministro da República Democrática do Congo, Jean-Michel Sama Lukonde Imagem: Reprodução/TV5

Ange Kasongo;Yassin Kombi;

Kinshasa

20/02/2024 19h31Atualizada em 20/02/2024 19h57

O primeiro-ministro da República Democrática do Congo, Jean-Michel Sama Lukonde, renunciou nesta terça-feira, provocando a dissolução do seu governo, afirmou a Presidência em um comunicado.

O primeiro-ministro entregou a carta de renúncia ao presidente Felix Tshisekedi oito dias após a validação do seu mandato como deputado nacional. Ele agora se juntará ao Parlamento como membro da Assembleia.

"A renúncia foi aceita. No entanto, o presidente pediu que o governo (de Lukonde) continue tratando das questões correntes, até a formação de um novo governo", disse a Presidência, em outro comunicado, mais tarde nesta terça-feira.

Não foram especificados os motivos que levaram Lukonde a renunciar.

Lukonde foi nomeado primeiro-ministro do país rico em minerais da região central da África em fevereiro de 2021.

Após ser reeleito em dezembro, Tshisekedi indicou um representante para identificar uma coalizão majoritária dentro da Assembleia Nacional, com o objetivo de formar o próximo governo.

Notícias