PUBLICIDADE
Topo

Senador convida enviado de Guaidó nos EUA para discurso do Estado da União

04/02/2019 23h06

Washington, 4 fev (EFE).- O senador republicano Marco Rubio convidou Carlos Vecchio, o enviado nos Estados Unidos do autoproclamado presidente em exercício da Venezuela, Juan Guaidó, ao discurso sobre o Estado da União que o presidente americano, Donald Trump, pronunciará nesta terça-feira diante do Congresso.

Vecchio estará presente como convidado especial de Rubio, que tem forte influência na política americana em relação à Venezuela e no reconhecimento de Guaidó como governante legítimo.

"Prevejo que o presidente Trump voltará a enfatizar a postura de seu governo contra os líderes tirânicos na América Latina e em apoio ao povo da Venezuela", declarou Rubio sobre o discurso de amanhã do governante americano.

Além de Rubio, tanto Trump como seu vice-presidente, Mike Pence, seu secretário de Estado, Mike Pompeo, e seu assessor de Segurança Nacional, John Bolton, encorajaram os protestos opositores na Venezuela, exigiram a Maduro que entregue o poder e abiram as portas da Casa Branca a opositores como Vecchio.

De fato, Trump reconheceu Vecchio como máximo representante diplomático da Venezuela em território americano.

Guaidó se autoproclamou no último dia 23 de janeiro presidente em exercício da Venezuela por considerar "ilegítimo" o presidente venezuelano, Nicolás Maduro, e rapidamente recebeu o reconhecimento dos EUA e de vários países da América Latina, assim como de várias nações europeias e de Israel.

Por sua parte, a Assembleia Nacional da Venezuela, controlada pela oposição e presidida por Guaidó, disse ter assumido as funções do Executivo e nomeou representantes no exterior, como o próprio Vecchio.

Em resposta a este reconhecimento, Maduro cortou relações diplomáticas e políticas com Washington, ordenando o fechamento de suas embaixadas e consultados no país. EFE

Notícias