PUBLICIDADE
Topo

Sem CR7, Juve joga mal, é derrotada pelo Genoa e perde invencibilidade

17/03/2019 10h35

Sem Cristiano Ronaldo, poupado após a grande partida de meio de semana na Champions, a Juventus entrou em campo neste domingo pelo Italiano e viu a sua invencibilidade acabar. Fora de casa, a Velha Senhora jogou "de ressaca" e foi derrotada por um valente Genoa, por 2 a 0. Sturaro e Pandev, dois jogadores que entraram na etapa final, anotaram os gols da partida.

JUVE NÃO ASSUSTA E VAR SALVA

Se a vantagem do primeiro tempo tivesse que ficar com alguém, surpreendentemente não ficaria com a Juve. Fora de casa, a Velha Senhora não teve um bom início e foi Genoa que esteve perto de na frente do atrás do placar em duas oportunidades. Na primeira, Matia Perin fez uma importante defesa para evitar o gol de Sanabria, e minutos depois, o árbitro marcou pênalti para os donos da casa em um toque de mão de Cancelo. Contudo, o VAR entrou em ação e viu que anteriormente a bola resvalou na mão do jogador do Genoa. Com isso, a marcação foi revertida.

VAR PROTAGONISTA

Na etapa final, a Juve voltou mais ligada e logo foi fatal para abrir o placar da partida. Na marca de 11 minutos, João Cancelo cruzou e Paulo Dybala completou para as redes. Entretanto, na confirmação do gol pelo VAR, foi constatado que o argentino estava em posição de impedimento e o gol foi anulado.

LEI DO EX FATAL

Após o susto, o Genoa voltou a ser melhor dentro de campo e ganhou um gás novo quando o técnico Cesare Prandelli decidiu colocar Pandev e Sturaro em campo. A mexida fez efeito e com apenas um minuto dentro de campo, Sturaro, ex-jogador da Juve, recebeu de Pandev e bateu colocado no canto de Perin, que foi traído pelo efeito da bola e acabou aceitando, deixando a redonda morrer nas redes, na marca de 27 minutos.

QUE ESTRELA!

Se Sturaro, que havia acabado de entrar, marcou o primeiro gol do Genoa na partida, Pandev também teve seu momento de brilhar. O ex-jogador da Inter entrou com tudo, mudou a partida e ainda deixou sua marca. Aos 36 do segundo tempo, em contra-ataque fulminante, o atacante recebeu de Kouame e finalizou com precisão tirando de Perin, para explodir os torcedores de alegria no Estádio Luigi Ferraris e para quebrar a sequência invicta da Juve no Campeonato Italiano.

Esporte