PUBLICIDADE
Topo

Fã de Prass, goleiro do Mirassol revela desejo: 'Aposentar meus pais'

12/03/2019 16h22

O Mirassol conseguiu importante resultado diante do Palmeiras no último fim de semana. A equipe do interior, mesmo com um jogador a menos durante grande parte da segunda etapa, garantiu o 1 a 1 contra uma das mais fortes equipes do futebol brasileiro. Um dos principais responsáveis pelo ponto conquistado foi o goleiro Matheus. Além de fazer grandes defesas durante toda a partida, protagonizou uma cena que chamou a atenção.

CONFIRA A CLASSIFICAÇÃO DO PAULISTÃO

> Clique aqui para ver

Após o apito final do árbitro, o jovem goleiro do Mirassol cruzou todo o campo e foi em direção a Fernando Prass, arqueiro do Palmeiras. Após trocarem as camisas, Matheus teve tempo de falar algumas palavras a um de seus ídolos.

- No fim do jogo eu fui até o outro lado para trocar de camisa com o Prass. Ele é um grande goleiro, me inspiro muito em tudo o que ele já fez. Foi um prazer enorme poder enfrenta-lo. Falei da minha admiração, sou um grande fã dele. Sonho em conseguir conquistar tanto quanto ele conquistou - disse Matheus, que falou do resultado.

- Fizemos uma grande partida contra o Palmeiras. Mesmo com um jogador a menos a gente conseguiu um empate importante contra um dos melhores times do Brasil. Tive a felicidade de fazer defesas fundamentais para conseguirmos o resultado.

Natural de São José do Rio Preto, cidade vizinha a Mirassol, Matheus teve todo apoio dos pais para conseguir deslanchar na carreira. A principal ambição do goleiro, além de ajudar a equipe, é conseguir retribuir a condição que os pais deram a ele. Marco Aurélio e Maria Cristina trabalham em uma oficina mecânica da família, em Rio Preto.

- O meu maior sonho é ter uma carreira de sucesso, consistente. Chegar a clubes de fora do país. Quero ter condições de ajudar meus pais a se aposentarem. Eles sempre trabalharam muito para me dar condições. Então quero ter a oportunidade de retribuir tudo isso e dar uma tranquilidade maior para eles.

O Mirassol atualmente é o último colocado do Grupo C, faltando duas rodadas para o fim da primeira fase do Campeonato Paulista. A equipe está perto da zona de rebaixamento, mas, no momento, escaparia da degola - os lanternas dos outros três grupos aparecem com um número menor de pontos. Mesmo em situação complicada, o goleiro acredita que o time irá se manter na elite do estado.

- Estamos em uma situação complicada na competição, mas sabemos do nosso potencial. Temos capacidade para ajudar a equipe a, pelo menos, se manter na elite do Campeonato Paulista - completou.

O Mirassol terá mais dois confrontos pela frente. Na próxima rodada, em casa, encara o Botafogo-SP. Na sequência o adversário será o Oeste.

Esporte