Topo

Mocidade Independente anuncia nova rainha de bateria para o Carnaval 2020

A nova rainha da Mocidade Independente de Padre Miguel Giovana Angélica - Marcos Mello/Divulgação
A nova rainha da Mocidade Independente de Padre Miguel Giovana Angélica Imagem: Marcos Mello/Divulgação
do UOL

Do UOL, no Rio

20/08/2019 15h59

A Mocidade Independente de Padre Miguel nomeou Giovana Angelica, 34 anos, sua nova rainha de bateria para o Carnaval de 2020.
A turismóloga, que frequenta a escola desde a infância, assume o posto que pertencia à Camila Silva e que já foi ocupado por Claudia Leitte, Mariana Rios, Antonia Fontenelle e Viviane Araújo.

Por três anos consecutivos, Giovana desfilou pela Verde e Branco de Padre Miguel no posto de musa da Comunidade: "A Mocidade faz parte da minha história, remete toda a minha infância, juventude, lembro-me pequena de vê-la sendo campeã, e isso ficou marcado na minha cabeça, o lugar onde nasci era vitorioso e glorioso, sempre foi emocionante pra mim. Sempre vi Vô Macumba como um grande ícone da escola e hoje posso dividir a emoção de desfilar na Verde e Branco de Padre Miguel com ele, não tem preço", declarou Giovana.

Giovana Angelica - Marcos Mello/Divulgação
Giovana Angelica
Imagem: Marcos Mello/Divulgação

A Mocidade contará a trajetória de sucesso da cantora Elza Soares no Carnaval de 2020. O enredo, assinado pelo carnavalesco Jack Vasconcelos e pelo jornalista e pesquisador Fábio Fabato, faz um passeio pela carreira da cantora: "É uma responsabilidade enorme assumir o cargo de rainha de bateria de uma das agremiações mais importante do Carnaval, ainda mais tendo como enredo Elza Soares, uma mulher guerreira, talentosa, que venceu inúmeras barreiras para chegar onde está. É um desafio que vou cumprir com humildade e muito amor", disse a nova rainha.

"Vou me preparar bastante e estarei sempre alinhada com a presidência, diretoria e demais segmentos da Escola. Não sou nada, sou apenas uma apaixonada pela verde e branco de Padre Miguel que veio para somar. Vamos em busca do título", completou Giovana.

No mês passado, Camila Silva comunicou em suas redes sociais que deixou o posto de rainha após saber que a escola de Padre Miguel procurava uma rainha que pagasse para desfilar à frente da escola.

"Esta minha decisão foi motivada depois de ser comunicada de que a minha permanência dependeria de caso não houvesse uma candidata disposta a pagar por esse posto. Quero deixar bem claro que entendo as dificuldades financeiras da escola que por esse fato, resolveu negociar o posto ocupado por mim, mas também afirmar que não sou e nunca serei a segunda opção de nenhuma escola de samba ou de nenhuma postulante ao cargo".

De acordo com a assessoria da nova rainha, ela não pagou para ocupar o posto. "A Giovana não vai gerar custos para a escola porque pode arcar com suas idas e vindas para escola, ela pode arcar com suas roupas de apresentação, pode pagar sua fantasia. A escola nunca cobrou pelo posto, só exigiu que ela cumprisse a agenda toda da escola".

AO GRES MOCIDADE INDEPENDENTE DE PADRE MIGUEL! Prezados amigos, Atrave?s deste texto, venho me dirigir a toda comunidade da minha querida Mocidade bem como aos demais segmentos da agremiac?a?o que e? com profunda tristeza que comunico o meu desligamento do posto de Rainha da Bateria "Na?o existe mais Quente", cargo que tive muito orgulho e amor em defender. Esta minha decisa?o, foi motivada depois de ser comunicada de que a minha permane?ncia dependeria de caso na?o houvesse uma candidata disposta a pagar por esse posto. Quero deixar bem claro que entendo as dificuldades financeiras da escola que por esse fato, resolveu negociar o posto ocupado por mim, mas tambe?m afirmar que na?o sou e nunca serei a segunda opc?a?o de nenhuma Escola de Samba ou de nenhuma postulante ao cargo. Outro fato que precisa ser esclarecido e? que a sai?da de meu querido amigo e carnavalesco Alexandre Louzada da agremiac?a?o na?o teve influe?ncia nesta minha decisa?o, pois ele sempre soube do meu amor pela Mocidade e que ele teve seus motivos e eu os respeito,pore?m , desde a posse da nova diretoria, na?o obtive nenhum comunicado de confirmac?a?o do desejo por parte dos dirigentes sobre a minha permane?ncia e isso me fez sentir como se diz popularmente: " em banho-maria " . Sou uma sambista, sou bem acostumada a? ter o cha?o como minha zona de conforto mas tambe?m sei cair e " sacudir a poeira" e me por de pe? e de cabec?a erguida, seguir em frente pois " desde que o samba e? samba, e? assim..." e e? "sambando que eu mando a tristeza embora...". Deixo o meu agradecimento especial ao mestre Dudu e aos seus maravilhosos e ta?o queridos ritmistas por tantos momentos de alegria em nosso convi?vio , meu respeito a? Velha Guarda e as Baianas e todos os demais que sempre me trataram com carinho. Salve a Mocidade! @baterianemq @mocidadeoficial @loucosdepaixao

Uma publicação compartilhada por Camila Silva (@iamcamilasilva) em

Mais Entretenimento