Topo
Notícias

Rússia emite mandado de prisão contra viúva de Navalny

09/07/2024 13h42

MOSCOU, 9 JUL (ANSA) - Um tribunal de Moscou emitiu um mandado de prisão contra Yulia Navalnaya, viúva de Alexei Navalny, dissidente russo morto em uma colônia penal na Sibéria em fevereiro passado.   

Segundo a agência russa RIA Novosti, Navalnaya é acusada de envolvimento com um grupo "extremista" e foi inserida em uma lista internacional de foragidos por ter "se escondido das autoridades investigativas".   

A ativista terá de cumprir dois meses de detenção, "período que será calculado a partir do momento de sua extradição ao território da Federação Russa ou de sua captura".   

Em publicação no X, Navalnaya afirmou que a ordem de prisão segue o "procedimento" típico do regime. "Quando escreverem sobre isso, por favor, não se esqueçam do principal: Vladimir Putin é um assassino e um criminoso de guerra. Seu lugar é na prisão", salientou.   

Navalny era tido como o principal opositor do presidente Putin e sofreu um suposto mal súbito enquanto caminhava na colônia penal onde estava encarcerado no Círculo Polar Ártico, em fevereiro passado. No entanto, potências ocidentais e a família do político culpam o regime russo pela morte.   

Após o falecimento do dissidente, Navalnaya passou a fazer campanha contra o Kremlin no exterior para defender o legado de seu marido. (ANSA).   

Veja mais notícias, fotos e vídeos em www.ansabrasil.com.br.

Notícias