Topo
Notícias

Jogos Olímpicos Paris 2024: ensaio técnico no rio Sena revela detalhes da cerimônia de abertura

24/06/2024 13h30

À medida em que se aproxima a data de início dos Jogos Olímpicos e Paralímpicos de Paris 2024, se intensificam os ensaios no rio Sena para a cerimônia de abertura. Os capitães dos barcos que costumam levar turistas para ver os monumentos, desta vez navegam focados na distância que devem manter dos colegas, com quem desfilarão no dia 26 de julho, entre a ponte de Austerlitz e a ponte de Iéna, aos pés da torre Eiffel. 

Maria Paula Carvalho, da RFI em Paris

Será a primeira vez que a cerimônia de abertura de uma olimpíada não será realizada em um estádio. No total, 94 embarcações, incluindo nove barcos de reserva, participarão da parada fluvial com 10.000 atletas, ao longo de seis quilômetros, no famoso cartão postal de Paris. A distância entre os barcos não poderá passar de 100 metros. 

Os ensaios técnicos garantem que tudo possa ser cronometrado para o espetáculo. "Cada barco deve testar a sua capacidade de navegar no rio, mas sobretudo encontrar o ritmo e se encaixar em um cronograma extremamente preciso, como será a cerimônia de abertura, no dia 26 de julho, e que integrará todos os outros elementos, a começar pelos artísticos", explica o diretor-artístico Thierry Reboul.

A cerimônia de abertura terá início às 19h30, pelo horário local, diante de 326 mil espectadores. O cortejo vai passar em alguns dos mais belos monumentos de Paris, como a catedral de Notre-Dame, o Hotel de Ville, a sede da prefeitura, e o Grand Palais. Uma operação inédita, para a qual o Comitê Organizador vem se dedicando há meses. 

"É o plano 'A' sobre o qual estamos mobilizados, é o plano 'A' que irá acontecer, o que não nos impede de antecipar outros cenários, e um plano 'B' ou 'C' são possíveis, mas até este momento, eles não têm razão de ser acionados" diz a ministra do Esporte da França, Amélie Oudéa-Castera. "O ministério do Interior analisa com atenção qualquer ameaça, e neste momento não há nenhum motivo de se preocupar. Continuamos com o plano 'A', e com 'A 'maiúsculo", diz.  

Será que a meteorologia vai ajudar?

O mau tempo, que fez subir o nível do rio Sena nas últimas semanas, é uma preocupação e mesmo impediu a realização de outros ensaios é uma preocupação. Mas a ministra confia que o tempo vai melhorar com a chegada do verão. "Nos sobram 40 dias que serão importantes, a condição meteorológica vai melhorar, menos chuva, mais calor, isso vai nos ajudar para o sucesso deste plano de ação. Todas as infraestruturas foram entregues no prazo, o trabalho que foi feito na rede de saneamento, a conexão das peniches (embarcações) ao esgoto sanitário, tudo foi feito de maneira impecável e estamos confiantes na nossa capacidade de manter o calendário de competições no rio Sena", afirma.  

Cada embarcação levará 45 minutos para percorrer o trajeto previsto, cruzando a cidade de leste a oeste, sob a escolta de botes da guarda costeira e de 45 mil policiais civis e militares."Não há uma preocupação particular, temos um dispositivo de segurança robusto, para garantir a segurança dos espectadores no cais, e ao logo de todo o percurso da cerimônia, explica Laurent Nuñez, secretário de Segurança Pública de Paris. "Temos um dispositivo antidrone e forças de intervenção especializadas, estão todas mobilizadas para o dia 26 de julho, para a cerimônia de abertura, não temos nenhuma preocupação e trabalhamos com muita concentração e determinação para garantir a segurança deste desfile", completa. 

Em caso de necessidade, a França já se organizou para mudar a cerimônia de abertura dos Jogos Olímpicos. Entre as alternativas encontradas está a diminuição do número de espectadores ou, em último caso, se a parada fluvial não for possível, pode haver um desfile de atletas sobre a ponte de Iéna entre a torre Eiffel e o Trocadéro.  

Notícias