Topo
Notícias

Ações caem por causa setores de tecnologia e bancário, mas têm ganhos semanais

21/06/2024 13h39

Por Shashwat Chauhan e Jesus Calero e Shristi Achar A

(Reuters) - As ações europeias fecharam em baixa nesta sexta-feira pressionadas pelos setores de tecnologia e bancário, enquanto a cervejaria dinamarquesa Carlsberg Group teve o pior desempenho do dia depois que a fabricante britânica de refrigerantes Britvic rejeitou sua proposta revisada de aquisição.

O índice STOXX 600 perdeu 0,73%, para 515,11 pontos, com o subíndice de tecnologia em queda de cerca de 1,3% e os bancos da zona do euro recuando 1,7%.

O Carlsberg Group caiu 9,3% depois que a Britvic rejeitou sua oferta de aquisição de 3,93 bilhões de dólares, dizendo que a proposta "subvalorizava significativamente" o grupo e suas perspectivas. A Britvic deu um salto de 7,7%.

Ainda assim, o índice de referência europeu registrou um ganho semanal de 0,8% uma vez que o mercado se concentrou nas decisões dos bancos centrais suíço e britânico durante a semana, recuperando-se da queda da semana passada, depois que o presidente francês Emmanuel Macron convocou uma eleição parlamentar antecipada.

"Estamos nos recuperando com cautela, mas a volatilidade permanecerá em relação às eleições francesas até a primeira data da votação", disse Axel Rudolph, analista sênior de mercado do IG Group.

Em LONDRES, o índice Financial Times recuou 0,42%, a 8.237,72 pontos.

Em FRANKFURT, o índice DAX caiu 0,50%, a 18.163,52 pontos.

Em PARIS, o índice CAC-40 perdeu 0,56%, a 7.628,57 pontos.

Em MILÃO, o índice Ftse/Mib teve desvalorização de 1,09%, a 33.308,77 pontos.

Em MADRI, o índice Ibex-35 registrou baixa de 1,15%, a 11.032,30 pontos.

Em LISBOA, o índice PSI20 desvalorizou-se 1,21%, a 6.570,47 pontos.

Notícias